Cadastre-se

Uma mulher foi morta com golpes de barra de ferro, na comunidade de Serra do Henrique, zona rural de Aracatu, sudoeste da Bahia, e o companheiro da vítima é o principal suspeito. O crime aconteceu na noite deste domingo (25), por volta das 18h, na casa onde a mulher morava, e foi presenciado pelo filho do casal. O homem fugiu após o crime. Segundo a Polícia Militar, o crime foi motivado por ciúmes. A vítima, identificada como Eva da Silva Cordeiro, 46 anos, foi golpeada na cabeça. O filho do casal relatou a guarnição da 34ª CIPM que o autor alegava ciúmes e já tinha ameaçado a esposa de morte. O autor teria dito ainda ao filho que mataria a mulher e depois se mataria caso confirmasse que estava sendo traído. Ainda de acordo com informações da PM, o suspeito do feminicídio está sendo procurado. O Departamento de Polícia Técnica (DPT) foi acionado e o corpo da vítima foi conduzido para o Instituto Médico Legal (IML) de Brumado para necropsia.

 

Por 97 News

 

CARINHANHA – O suspeito de tentativa de homicídio contra um adolescente de 15 anos ocorrida na noite de sexta-feira (23), no bairro São Francisco, foi preso na manhã de sábado (24), por volta das 11h, por policiais dos 1º e 2º Pelotões da 3ª Companhia, com apoio da Companhia de Emprego Tático Operacional (CETO) do 17º Batalhão de Polícia Militar.

O suspeito de de 25 anos, foi preso  na rua Vista Alegre, no bairro Alto da Colina. O adolescente foi atingido por tiros no pescoço e na perna esquerda, no Bar Boca do Deserto, localizado na rua da Pista, no bairro São Francisco. O suspeito foi apresentado na Delegacia Territorial de Guanambi, onde o flagrante foi lavrado.

Ele é suspeito de envolvimento em vários crimes, como homicídio, tráfico de drogas, porte ilegal de armas e roubo de veículos. A vítima segue internada no Hospital Geral (HGG) de Guanambi com um projétil alojado na face, aparentemente, não corre risco de morte.

Conforme informação da 3ª CIA, um outro suspeito segue sendo procurado pela polícia. A Polícia Militar deu uma resposta rápida e prendeu o suspeito em menos de 24 após o ocorrido.

 

Por Folha Do Valle

BARREIRAS – Geane da Silva Brito, de 20 anos, morreu na manhã desta segunda-feira (26) durante um ataque a tiros a uma escola municipal em Barreiras, no oeste da Bahia. A aluna cadeirante, foi morta por volta das 07h30, após um jovem invadi o local com uma arma de fogo e um facão, e atirar contra os alunos.

O atirador foi baleado e socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Geral do Oeste. Não há detalhes sobre o estado de saúde do jovem. Um dos alunos que estava no colégio relatou o ocorrido.

“O menino entrou na escola vestido de preto, deu um tiro na porta, lá dentro [do colégio] deu outro tiro. Os meninos [alunos] correram para a quadra, mas o instrutor mandou sair e ir para o fundo da escola, aí todo mundo arrodeou (sic) e conseguiu sair do colégio”, relatou o jovem.

 

Por Achei Sudoeste 

Uma menina de 9 anos revelou, através de uma carta escrita à mão, que sofria abusos sexuais do próprio pai e do avô. A criança denunciou os estupros em junho deste ano, mas até o momento, ninguém foi preso. O caso aconteceu em São José dos Campos, em São Paulo. A mãe desconfiou que alguma coisa estava acontecendo após lavar as calcinhas da menina. Em uma peça, ela encontrou sangue e questionou o que teria ocorrido, já que ela não tinha menstruado ainda devido a idade.  “Eu estava lavando roupa, quando encontrei uma calcinha dela com manchas de sangue. Estranhei, porque ela ainda não menstrua e conversando ela revelou que o sangue era dos machucados que o pai e o avô haviam causado na região íntima dela, ao estuprá-la”, contou a mãe ao G1. A mãe relatou que os abusos com o pai, de 33 anos, iniciaram após a menina completar cinco anos de idade. Segundo ela, ocorriam justamente quando ela precisava trabalhar aos finais de semana e o pai ficava com a vítima e os outros filhos em casa. “Durante muito tempo trabalhei em shopping e por isso o pai ficava cuidando das crianças aos finais de semana. Os abusos aconteciam justamente quando eu estava trabalhando e ele ficava em casa", contou.  Já com o avô, de 78 anos, pai da mãe da criança, o crime ocorreu há cerca de dois anos e praticava sempre que ia buscá-la na escola. Após o caso vir à tona pela própria menina, o pai da criança fugiu depois da denúncia. Até o momento, não foi localizado. O idoso prestou depoimento e negou os abusos. A polícia emitiu uma medida protetiva para a criança para que o avô e o pai não se aproximem da menina. “Assim que descobri corri com ela para a delegacia e prestei queixa contra o pai dela e o avô. Mesmo com provas e exames que comprovam o abuso, por telefone o pai dela me chamou de louca, dizia que não tinha feito nada e antes que eu voltasse da delegacia ele já havia fugido. Foi embora levando só a roupa do corpo e a habilitação. Foi muito chocante e doloroso descobrir isso, porque eram duas pessoas que eu confiava e que nunca desconfiei que pudessem fazer algo assim”, disse a mãe.

 

Por Achei Sudoeste 

Nesta quinta-feira (22), a Polícia Militar tomou conhecimento de que indivíduos armados tinham arrombado um correspondente bancário e uma casa lotérica no centro da cidade de Guanambi, a 141 km de Brumado. Segundo apurou o site Achei Sudoeste, após trabalho de investigação, o Setor de Inteligência do 17º Batalhão de Polícia Militar (BPM) obteve a informação que um dos suspeitos estaria em uma residência na Rua Pernambuco. No local, ao perceber a movimentação dos policiais, o suspeito fugiu pulando vários muros, não sendo localizado. Porém, sua namorada foi encontrava no interior de um veículo com a quantia de cerca de R$ 4 mil, 01 drone com controle, a chave de um outro veículo e uma porção de substância de cor verde análoga à maconha. Questionada sobre o dinheiro, ela não soube explicar a origem do valor em espécie.


Em continuidade à diligência, no Bairro Nova Morada, a polícia localizou, no interior de um veículo GM/Celta, 01 guarda-chuva (que foi utilizado na madrugada para esconder os rostos dos suspeitos), 01 par de luvas, 01 touca ninja e 01 furadeira. Ao ser realizada a abordagem no interior da residência onde o veículo estava estacionado, foram localizados cerca de R$ 6 mil, 01 escada telescópica de alumínio, 01 alicate de pressão, 02 marretas, 02 ferramentas de corte, 03 furadeiras, 01 máquina de serra, 02 alicates de corte, 07 baterias elétricas, 01 lanterna tática, 01 par de botas de borracha, 01 par de tênis, 02 pares de luvas, 01 cinto de segurança, 02 mochilas camufladas, 01 calça preta tipo moletom, 03 blusas de frio, 01 bloqueador de sinal e 01 caixa contendo ferramentas diversas que foram utilizadas para o arrombamento dos dois estabelecimentos comerciais. Apesar de não terem sido localizados, os três participantes do arrombamento foram identificados e seus nomes e qualificação foram repassados para a Polícia Civil para dar início às investigações.

 

Por Achei Sudoeste 

Ocorreu um furto na cidade de Caculé na madrugada desta quarta-feira (21), no Salão de Beleza Alto Astral, localizado na Rua Rita Fernandes no Bairro São Cristóvão.

As câmeras de segurança do estabelecimento flagraram o momento que o criminoso entra e começa a procurar por dinheiro e itens de valores. Após a varredura no local, o criminoso que não foi identificado, levou um celular e demais bens.

Na manhã do mesmo dia a proprietária identificou que seu estabelecimento tinha sido alvo de furto. Em seguida a polícia foi acionado para apurar os fatos.

Assaltos como estes estão sendo frequentes na cidade de Caculé e região. Por esse motivo, os moradores devem ficar atentos.

 

Por HR Bahia 

A Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), órgão vinculado à Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esportes (Setre), abriu processo seletivo com 18 vagas de funções de nível superior.

O edital foi publicado na edição desta quarta-feira (21), do Diário Oficial do Estado. A seleção visa a contratação de pessoal, por tempo determinado de até 36 meses, em Regime Especial de Direito Administrativo (Reda).

As vagas são para profissionais formados em Educação Física (4), Ciências Contábeis (2), Secretariado (1), Engenharia Elétrica (1), Engenharia Civil (1), Agronomia (1), Ciências da Computação (1), Pedagogia (1), Ciências Jurídicas (1), Jornalismo (1), Arquitetura (1) Psicologia (2) e Administração (1).

Todas as oportunidades são para lotação na sede da Sudesb, localizada no município de Salvador.

A remuneração para todas as funções é de R$ 2.996,88, composta por vencimento básico no valor de R$ 1.388,35, acrescido de Gratificação de função temporária, equivalente

a R$ 1.608,53. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, exceto para a área de jornalismo, com 35 horas.

As inscrições ficarão abertas, exclusivamente via Internet no site selecao.ba.gov.br, no período das 08h do dia 03 de outubro até às 23h59 do dia 10 do mesmo mês. Não há cobrança de taxa de inscrição.

O Processo Seletivo Simplificado da Sudesb será constituído de uma única etapa – Avaliação Curricular, de caráter eliminatório e classificatório.

O prazo de validade da seleção será de um ano, a contar da data de publicação da sua homologação, podendo ser prorrogado por igual período.

Veja o edital:
https://agenciasertao.com/wp-content/uploads/2022/09/Edital-Processo-Seletivo-da-Sudesb.pdf

 

Por Agência Sertão

Um homem, de 24 anos, foi preso após tentar sequestrar e estuprar uma mulher no meio da rua. O caso aconteceu nesta terça-feira (20), em Goiânia. A vítima andava na calçada, quando foi abordada pelo homem armado, dentro de um veículo, sendo intimada a entrar no carro. Segundo informações do G1, a mulher teve a arma próximo a seu corpo a todo momento e precisou tomar uma atitude rapidamente para que não fosse levada pelo homem, muito menos ser estuprada. “Ele parou, desceu do carro e mandou eu entrar no carro. Pegou no meu braço, me mostrou uma arma e falando para entrar. Eu falei: moço, o que vai fazer comigo, moço? Pelo amor de Deus”, contou à reportagem. A mulher, que preferiu não se identificar, revelou que caiu no chão e fingiu que estava tendo um infarto. No entanto, mesmo caída no chão, o homem ainda fez de tudo para levá-la embora. A vítima, percebendo a situação, passou a gritar desesperadamente, na tentativa de receber ajuda de moradores da rua. Ela ainda chegou a oferecer dinheiro e o celular, mas o homem repetia que queria usá-la. “Aí eu fui caindo no chão, fui caindo e ele tentando me pegar. Disse que ia me levar, me bater, me usar. Na hora que ele viu que vinha um rapaz, ele me largou, entrou no carro, virou a rua e foi embora”, disse. Alguns que conseguiram ouvir os gritos, saíram para ajudá-la e socorrê-la. O homem, vendo a movimentação, decidiu fugir do local, mas acabou sendo preso pouco depois após a polícia receber as características do carro pelos moradores. A Polícia Civil de Goiânia não divulgou o nome do suspeito, o que dificultou as respostas sobre o homem ter permanecido preso.

 

Por Achei Sudoeste